Piscicultura

Produção em Tanque Rede
Produção em Tanque Rede

 

 

Tanque de Tilápias
Tanque de Tilápias

 

 

Tilápias
Tilápias

A produção de peixes de cultivo no ano de 2018 (Deral/SEAB, 2018) foi superior a 132 mil toneladas. A tilápia, principal espécie produzida no Estado, ultrapassou as 125 mil toneladas, representando 94% do volume total. Foi seguida pela produção de carpas, com 2.821 toneladas e depois bagres, com 395 mil kg. A atividade é mais consistente nas regiões oeste (Toledo e Cascavel) e norte (Apucarana, Cornélio Procópio, Londrina, Santo Antônio da Platina), porém temos ações realizadas em outras regiões também: Paranaguá, União da Vitória, Curitiba , Pato Branco, Francisco Beltrão, Guarapuava, Irati, Cianorte e Maringá.

O Paraná possui um grande potencial para a exploração da piscicultura, por conta da grande quantidade e qualidade das águas, das características dos solos e das coleções de águas disponíveis em represas e rios bem distribuídos em todo o Estado. Porém o crescimento desta atividade muitas vezes esbarra nas dificuldades que os piscicultores encontram para o licenciamento ambiental, fato que restringe a utilização de crédito rural, uma vez que a atividade exige recursos para investimento e custeio. A baixa profissionalização e a falta de organização dos piscicultores também dificultam o seu crescimento. O trabalho que os técnicos do Instituto IDR Paraná realizam com os produtores busca apoiar o desenvolvimento da cadeia produtiva, procurando proporcionar aos sistemas, sustentabilidade com enfoque na preservação dos recursos naturais e na renda em todos os elos da atividade.

A piscicultura bem conduzida permite a obtenção de uma renda econômica significativa dependendo do nível tecnológico adotado, com a utilização de pequenas áreas da propriedade. Também possibilita o envolvimento de outros membros da família, principalmente mulheres e jovens. O IDR Paraná orienta os produtores quanto à obtenção de recursos para financiamento e custeio da atividade, apoio à comercialização e a legalização ambiental. Presta assistência técnica com profissionais especializados desde o planejamento e implantação de pisciculturas, sistemas de produção de peixes e gestão técnica e econômica da atividade.

 
Organizadores de Conteúdo do Projeto       
 
Técnicos Atuantes no Projeto
  • Apucarana - Ilso Moreira
  • Assis Chateaubriand - Paulo Gabana
  • Cafelândia - Altair Luiz Jede
  • Guaíra - Lauro Ramoso
  • Maripá e Nova Santa Rosa - Eder F. Morschbacker
  • Santa Helena -Carlos Harold
  • Santa Helena -André Victório
  • Santa Helena -Dayane Lenz
  • São Miguel do Iguaçu - Adalto de Jesus Medina
  • Toledo - Diego Fernandes